A família Grilo vai embarcar em um veleiro e se lançar ao mar apenas com o ponto de partida. Uma aventura onde tudo é possível!

Siga o Bora:

EnglishPortugueseSpanish
Top
Image Alt

Bora

Diário de Bordo #13 – Les Saintes

Îles des Saintes, ou também chamada de Les Saintes, é um grupo de ilhas situadas no mar do Caribe pertencentes territorialmente à França e administrativamente à Guadalupe, estando localizadas ao sudoeste e pertencem geograficamente às Pequenas Antilhas e ocupa uma área aproximada de 12,8 km².

As Ilhas receberam esse nome do navegador Cristóvão Colombo já que chegou lá em 1 de novembro de 1493. Os primeiros colonizadores franceses chegaram em 1648 e estes últimos disputaram o controle com os britânicos, estando sob o controle definitivo francês a partir de 1816 e se beneficiando do status de departamento ultramarino francês de acordo com o artigo 73 da Constituição francesa.

Chegando em Les Saintes, já nos deparamos com o primeiro problema: ninguém ali falava inglês, apenas francês, tornando a comunicação precária (já que ninguém aqui no Bora fala francês). A locomoção na ilha pode ser feita através de um carrinho estilo golfe, pois as ruas são estreitas e o país muito pequeno.

Fort Napoléon

O Fort Napoléon foi construído sobre o morne chamado Mire e foi originalmente chamado Fort Louis. Em 1809, foi destruído pelas forças armadas britânicas e foi reconstruído em 1867, quando e recebeu o nome de Napoleão III. Agora foi transformado em um museu dedicado à história, cultura e ambiente de Saintes. Ele também contém o Jardim exotique du Fort Napoléon, um jardim botânico dedicado a plantas locais.

Além disso, há uma lenda de que o forte é assombrado pelo espírito de uma jovem francesa que se apaixonou por um oficial britânico. Seu amante prometeu retornar para ela quando estava em serviço, porém depois de esperar por vários anos a jovem perdeu a esperança. Ela acreditava que o oficial havia encontrado outra e, em desespero, ela se jogou dos penhascos de Les Saintes direto no oceano. O jovem voltou para o seu amor e depois de descobrir que ela terminou sua vida acreditando que ele a traiu, ele também se jogou dos penhascos. Dentro do museu há uma exposição que detalha a história dos jovens amantes. Conheça um pouco da história do forte no episódio 26 do #SVBORA:

NINGUÉM FALA INGLÊS POR AQUI!

Conhecendo mais um pouco da ilha

O prêmio para as meninas era um almoço em um restaurante com piscina. Mas, infelizmente, a Lola não pôde entrar. Então fomos atrás de outro lugar e nunca foi tão difícil pedir comida. Quando dizem que o mundo inteiro fala inglês, é mentira. Les Saintes é 100% francês, então é bom tomar alguma aulas da língua (mesmo que por um aplicativo, igual a Fer) antes de visitar a ilha.

PROCURANDO UM RESTAURANTE!

Mais um pouco desse lugar incrível em fotos:

As meninas no restaurante na ilha. | Foto: Luciano Grilo

Rua no centrinho da cidade. | Foto: Luciano Grilo

Igreja que encontramos no passeio recolhimento da cidade. | Foto: Luciano Grilo

Les Saintes vista do Forte Napoleão . | Foto: Luciano Grilo

Lulu, Fer, Lisa e Lola. | Foto: Luciano Grilo

A ilha é linda! | Foto: Luciano Grilo

Forte Napoleão visto de cima. | Foto: Luciano Grilo

 

Post a Comment